Novo Honda NSX está disponível para encomenda.

NSX 1 (2).jpg

Os livros de encomendas já estão abertos para o novo supercarro da Honda, o lendário NSX, antes mesmo da chegada do carro nos showrooms em meados de 2015.

A Honda afirma, que devido à demanda de clientes, "com um depósito de £5.000, potenciais proprietários do Reino Unido, podem estar entre os primeiros a chegar ao volante do novo NSX."

Phil Crossman, Diretor da Honda no Reino Unido disse: "Estamos muito satisfeitos com o interesse que vimos para o novo NSX. Temos ainda dois anos até o lançamento do carro e mesmo assim recebemos mais de 20 depósitos, isso tudo antes de nós anunciarmos os preços ou mesmo apresentarmos o carro finalizado", continuou Crossman, "Com esse processo no lugar, estamos confiantes que a demanda continuará forte, e que potenciais compradores podem agora visitar qualquer concessionária Honda no Reino Unido e fazer um depósito". - afirmou

A Honda confirmou que o novo NSX será equipado por um motor central V6 com injeção direta de gasolina auxiliado por um par de motores elétricos. Os motores podem ser utilizados na distribuição de torque no eixo dianteiro para auxiliar nas curvas e já fazem parte do Honda Sport hybrid SH-AWD (Super Handling All-Wheel Drive).

O conceito do novo NSX foi revelado pela primeira vez em 2012 no Salão de Detroit e está sendo desenvolvido por uma equipe estabelecida nas bases da Honda EUA, em Los Angeles, Califórnia, e Raymond, Ohio.

A Honda confirmou que o novo NSX também será fabricado em uma nova unidade de produção no centro de Ohio. A Honda chama sua nova fábrica de "Centro de Produção de Desempenho",  a qual custou para a Honda 70 milhões de dólares.

Cerca de 100 trabalhadores serão retirados de outras duas fábricas da Honda em Ohio, antes mesmo do carro ir para a produção em massa em 2015. "Essa nova fábrica será tão única quanto o veículo que vai ser produzido aqui", disse Clement D'Souza engenheiro-chefe, associado da Honda da América. "Ao criar o plano para esta planta, nós olhamos atentamente para cada processo e determinamos a mistura perfeita entre trabalho manual associado com a tecnologia para adotar uma nova abordagem para a produção."

O movimento atual de abertura para a compra do bólido se espelha ao de encomendas do NSX original, que viu 25 pré-encomendas sendo feitas um ano antes do seu lançamento no Reino Unido.

Vale lembrar que o próprio Ayrton Senna ajudou a Honda no desenvolvimento do Honda NSX original devido a parceria McLaren/Honda F1. 

A primeira geração do NSX foi lançada em 1990 e passou 15 anos em produção, vendendo 18.000 unidades no mundo.