Entrevista: Claudio Boriero - Executivo de Vendas da Maserati no Brasil

Na última sexta-feira, dia 1, nós do Motorgrid Brasil entrevistamos o Executivo de Vendas da Maserati no Brasil, Claudio Boriero. 

Claudio trabalha no grupo Via Italia há mais de uma década, ou seja, se existe uma pessoa gabaritada neste tipo de produto é ele. Nesta entrevista, Boriero nos contou sobre a expectativa da Maserati no Brasil, modelos que estão por vir e atuais modelos existentes.

A loja situada na Rua Colômbia n°635 é o quarto show-room exclusivo da montadora italiana no mundo e o único na América Latina. Assistam ao vídeo, logo abaixo estarão as respostas escritas por extenso e as fotos do show-room.



Perguntas:

1) Há quanto tempo vc trabalha com Maseratis?
R: 
Eu trabalho com Maseratis há 11 anos, no grupo (Via Italia).

2) Muita gente falava que a Maserati era o ‘Patinho Feio’ do Grupo Fiat, Em  maio deste ano, a Maserati teve um aumento de 420% das vendas em relação ao mesmo período do ano passado.  Vocês esperavam este aumento?
R:
Na verdade, isso era uma coisa já esperada pela fábrica por conta deste aumento de produção dos carros. Agora, quanto ao 'patinho feio' é em relação aos carros anteriores a esses que são a 3200 e a 4200 que no mundo todo não foram carros bem vendidos. Hoje a Ghibli supera tudo isso, a Quattroporte supera tudo isso e a GranTurismo também.

3) Como o mercado brasileiro está reagindo com a Ghibli e a nova Quattroporte?
R:
A Quattroporte nós lançamos já faz um ano e pouquinho e o carro ta bem aceito, ele mudou muito, mudou muito o conceito do carro, a mecânica do carro ficou excelente com o motor oito cilindros biturbo. A Ghibli que é o carro de entrada no mercado brasileiro e no mundo, ela é menor, com o motor menor e forte. Então ta muito bem aceita, no Brasil a venda está muito boa.

4) Qual a perspectiva de vendas para este ano e ano de 2015?
R:
Nós pretendemos chegar este ano com uma média de 45-50 carros, até o final do ano. No ano que vem deve melhorar isso em 75 carros.

5) Porque a Maserati não divide mais show-room com Ferrari?
R:
Esse show-room novo é uma nova entidade corporativa da Maserati. Isto vai ser mudado no mundo todo. Em três países já mudou, o Brasil é o quarto (país). Todas as concessionárias da Maserati vão ser mudadas nesse perfil.

6) PERGUNTA DO LEITOR: O que uma Ghibli me oferece para eu largar minha BMW M5? Quais são as vantagens?
R:
A Ghibli está mais voltada para um sedã, (BMW) Série 3 e a Quattroporte para uma Série 5, a M5 não está no nosso perfil de carro.

7) PERGUNTA DO LEITOR: Existe previsão para a chegada da SUV Levante no Brasil?
R:
A SUV vai entrar em produção no ano que vem e provavelmente final do ano ou começo do próximo ano já estamos entregando os carros.

8) Como você define o perfil do seu cliente?
R:
A Quattroporte é um perfil já de executivo, cara de 50-55 anos que é que compra a Quattroporte. A Ghibli já é um perfil menor, é um perfil de uns 40 anos de idade, 45 anos de idade, que é o comprador do nosso carro. E a GranTurismo fica entre isso (Ghibli e Quattroporte), que é o cara mais esportivo, um cara não tão novo mais que procura um carro esportivo.

9) Como é lidar com esse tipo de cliente que procura algo mais exclusivo ?
R: Nosso cliente é muito exigente, muito exigente e perfeccionista também. Não é difícil ao passo que você lida há tantos anos como eu. Então, não é difícil lidar, mas sempre eles são mais perfeccionistas e gostam de uma coisa mais exclusiva.

10) Uma pessoa que quer comprar uma Ghibli ou Quattroporte, eles podem configurar o carro? Como que eles fazem isso?
R:
Configura, nós temos o configurador aqui na loja. Então, ele monta o carro do jeito que ele quer, com a roda, com o acabamento, com o couro, couro do carro, interno do carro. Inclusive é uma coisa que vem mudando no Brasil, que tem mais pessoas que estão montando o carro do que pegando os carros prontos.

11) A primeira vez que você andou na nova Quattroporte e na Ghibli o que mais te impressionou, o que mais te chamou mais atenção?
R:
A Quattroporte: o conforto dela, o espaço dela e o motor, oito cilindros biturbo de 550 cavalos. É um sedã grande que parece um carro pequeno. A Ghibli é um carro muito rápido, compacto, espaçoso, não tão como a outra (Quattroporte) e com esse motor seis cilindros biturbo ele é muito rápido, muito bom de dirigir o carro.

12) Com o aumento das vendas, haverá aumento de produção. Sendo assim, você acha que a Maserati poderá aumentar as cotas de unidades para desembarcar no Brasil?
R:
Tudo depende do mercado brasileiro, isso não é uma coisa que podemos mensurar agora, isso tudo depende do mercado brasileiro. Nós estamos passando por uma fase agradável, mas não boa. Então isso depende de acabar esse e começar o ano que vem para ver o que vai acontecer.

13) Quais modelos a Maserati tem hoje a pronta entrega no Brasil e qual o preço deles?
:
Hoje eu tenho todos os modelos. Tenho a nova Quattroporte por R$1.090.000,00; tenho a Ghibli que começa a partir de R$590.000,00 (30% de entrada + Parcelas a partir de R$17mil + Saldo); Tem a GranTurismo que é R$850.000,00 e a GranCabrio que é R$950.000,00. (Extra: Unidades blindadas da Ghibli e da Quattroporte estão chegando ao show-room).